Mensagens

Novos Membros: Gelson Baía

Imagem
  Gelson Baía 31 anos, Jurista Apadrinhado por: Jorge Duarte Pinheiro ENTREVISTA 1 Há quanto tempo corres?   Há 4 anos. 2 Porque corres? Inicialmente, comecei a correr como forma de combater o stress , a monotonia e a necessidade de perder peso por causa de alguns problemas de saúde. Atualmente, não passo uma semana sem correr, pois, correr, suar e desligar-me da rotina da vida quotidiana renovam as minhas forças e o desejo de continuar a enfrentar a vida com garra. 3 Onde treinas e com que frequência? Costumo treinar no Estádio Universitário de Lisboa e, por regra, treino 3 vezes por semana. 4. Qual a prova que mais gostas? E a que mais te marcou? Ainda não tive a oportunidade de participar em provas, contudo, gostei de participar num treino realizado junto à Costa da Caparica. 5 Quais os teus próximos objectivos? Caso venha a ter oportunidade, gostava de correr uma meia maratona. 6 O que é para ti o RUN 4 FUN? Que benefícios retiras de pertencer ao Clube? Tem sido u

Novos Membros: Fernando Ricardo

Imagem
  Fernando Pereira Ricardo 56 anos, Jurista Apadrinhado por: Jorge Duarte Pinheiro ENTREVISTA 1 Há quanto tempo corres? Há vários anos 2 Porque corres? Bem-estar físico e emocional, saúde 3 Onde treinas e com que frequência? Monsanto e Parque das Nações; 2 a 3 vezes/semana 4. Qual a prova que mais gostas? E a que mais te marcou? Ainda não participei em provas 5 Quais os teus próximos objetivos? Manter (e se possível melhorar) condição física 6 O que é para ti o RUN 4 FUN ? Que benefícios retiras de pertencer ao Clube? Treino com amigos; oportunidade para novos desafios e novas amizades 7 Uma mensagem aos novos membros do Clube. Run 4 Fun significa investimento em saúde, física e mental

Relaxa que... é o Estrelaçor 2020

Imagem
Ah... Estrelaçor, Estrelaçor. Havia tanto para escrever sobre ti. E escrevi. Só que desta vez resolvi escrever no meu blog. Quem tiver tempo e paciência pode seguir o link abaixo Raposices no Estrelaçor 2020 Abraços, beijos e até um trail perto de nós Paulo Raposo

Insanidade nos Tempos de Covid - Estrelaçor 180K - A prova - Frigus detegere

Imagem
      Link para a segunda etapa "Não esqueço as palavras de Herculano a propósito de Garrett que ele repetiu dúzias de ocasiões ao longo dos anos: – Por meia dúzia de moedas o Garrett é capaz de todas as porcarias, menos de uma frase mal escrita ou da ordem de Filipe Segundo ao arquitecto do Escorial – Façamos qualquer coisa que o mundo diga de nós que fomos loucos" - António Lobo Antunes Crónica em episódios. Memórias de fulano. Frigus detegere   A mariposa bateu suavemente as asas e lentamente tudo mudou. Os átomos próximos mudaram imperceptivelmente de posição. As suas velocidades reorientaram-se subtilmente, projetando toda a sua incerteza no futuro. O diabo está nos detalhes. Não são os astros distantes e maciços que governam as nossas vidas. São multiplas pequenas microscópicas particulas que nos jogam de um lado para o outro, fruto dos seus minúsculos numerosos embates. É o acaso ou a necessidade? Atravessei dimensões fractais. Assim são as corridas de Trail

Insanidade nos Tempos de Covid - Estrelaçor 180K - A prova - Noctibus equitare

Imagem
  Link para a primeira etapa "Vem, Noite antiquíssima e idêntica, Noite Rainha nascida destronada, Noite igual por dentro ao silêncio. Noite Com as estrelas lantejoulas rápidas No teu vestido franjado de Infinito. Vem, vagamente, Vem, levemente, Vem sozinha, solene, com as mãos caídas Ao teu lado, vem E traz os montes longínquos para o pé das árvores próximas. Funde num campo teu todos os campos que vejo, Faze da montanha um bloco só do teu corpo, Apaga-lhe todas as diferenças que de longe vejo. Todas as estradas que a sobem, Todas as várias árvores que a fazem verde-escuro ao longe. Todas as casas brancas e com fumo entre as árvores, E deixa só uma luz e outra luz e mais outra, Na distância imprecisa e vagamente perturbadora. Na distância subitamente impossível de percorrer." - Álvaro de Campos Crónica em episódios. Memórias de fulano. Noctibus equitare Na distância subitamente impossível de percorrer, após Vide assoma medonho o Colcurinho. São 850 metros de vigoroso desní

Insanidade nos Tempos de Covid - Estrelaçor 180K - A prova (e que prova!) - Calidum detegere

Imagem
  Link para o  Preâmbulo "É um triunfo da vida que a memória dos velhos se perca para as coisas que não são essenciais." - Gabriel García Márquez, in Memória de Minhas Putas Tristes "A idade não tem realidade exceto no mundo físico. A essência de um ser humano é resistente à passagem do tempo. Nossas vidas interiores são eternas, o que significa dizer que nossos espíritos permanecem tão jovens e vigorosos como quando estávamos em pleno florescimento. Pense no amor como um estado de graça, não o meio para qualquer coisa, mas o alfa e o ômega. Um fim em si mesmo." - Gabriel García Márquez, in O Amor nos Tempos de Cólera Crónica em episódios. Memórias de fulano. Calidum detegere Telémaco ou Ulisses. O canto das sereias soa irresistivelmente feroz no ar fresco e húmido do meio-dia. Somos chamados às nossas posições na partida, de 5 em 5, ou quantos calha, pela ordem do dorsal, se possível, e assim que entramos logo saímos, alucinados, do curro para a praça, picados pela

EstrelAçor 2020 - A Aprendizagem

Imagem
Quando tudo poderia ter corrido mal, mas acabou bem. A malta laranja apresentou-se em três provas: - Luís Matos Ferreira, Pedro Ribeiro e Rui Faria nos 180 km - Carmen Ferreira, Luís Afonso, Marina Marques, Paulo Raposo, Sandra Simões e Teodoro Trindade nos 100 km (a Daniela Pereira viu-se obrigada a não comparecer). - João Sousa, nos 46 km A prova de 22 Km, na qual se inscreveram a Ana Melo e o Orlando Ferreira, foi cancelada. Resumindo a prova em que participei (100 km): os primeiros 50 km são estradões intermináveis, com subidas e descidas muito inclinadas, características do Piódão, seguindo-se a sofrível, muito sofrível, e muito gelada, subida do Alvoco à Torre, e uma descida técnica, em pedras muito escorregadias, pelo Covão do Ferro.  O troço até Manteigas é feito pelo Vale Glaciar do Zêzere, por um estradão fácil e descendente, e os últimos 20 km correspondem a uma subida permanente, até às Penhas da Saúde.  E a prova foi resumida porque este texto visa descrever outro aspecto