domingo, 7 de dezembro de 2008

Team Running For Fun..uma vitória para todos!

Hoje foi um dia de alegria para os membros do Running for Fun e nossos amigos. Vejamos:

1) a temperatura foi branda, quase a pedir um esforço superior aos atletas; quase como se atropoformica nos dissesse: vejam bem como fui clemente para vós;

2) a chuva que caiu apenas no início (e nos abrigámos, ainda antes da partida) e nos últimos quilómetros (e que jeito deu para arrefecer nossos quentes e estafados corpos);

3) ao Paulo Sousa e ao Miguel Correia, que pulverizaram Personal Best Times (PBT) na Corrida Aberta, chegando ambos juntos e na casa dos 35m! Caramba!

4) ao Marco Gouveia, que lesionado não pode dar o seu contributo directo, mas cujo entusiasmo nos treinos, nas provas intermédias e o ritmo de progressão recente, fazem-no o mais provável próximo entrante no restrito clube dos Meia Maratonistas;

5) à Joana porque mesmo com pouco treino e com chuva se apresentou disposta a correr a Meia;

6) ao Hilário Torres porque com paciência infinita nos foi entretendo com suas "estórias", sua boa disposiçao, seu ritmo constante e pendular, e em muito contribuíu para o bom desempenho colectivo na Meia Maratona;

7) ao António Eusébio, a quem uma gripe não debelada oportunamente não deixou participar; logo agora que o PBT estava ali mesmo ao virar da esquina, após 13 semanas de treino; é também uma homenagem à companhia e ao estímulo que nos proporcionou;

8) ao Miguel San Payo, nosso maratonista, em fantásticas 4h04m deu uma verdadeira lição de preserverança e tenacidade a todos nós, meros aspirantes a tal estado, qual Olimpo;

9) ao José Pedro Raimundo, amigo de longa data, a mais recente aquisição do Running for Fun Team, pelo apoio vital prestado ao Miguel na maratona; com ele foi um pouco mais fácil;

10) ao Elói Silva e a todos os do Clube do Stress (especialmente ao Vasco pelo empolgante sprint competitivo que fizémos já no km 21...!) pelo estímulo, desafio desde há longos anos e pelos treinos de Domingos;

11) ao João Webber Gameiro, sempre tão lesto a partir que demorámos quase 7 km a apanhá-lo, pela vontade em nos acompanhar e pela simpatia todos os dias no ginásio Holmes;

12) ao João Leitão, prestes a ser pai, excelente companhia e dinamizador dos treinos de quinta feira; para o ano ele virá e será um "bico de obra" acompanhar aquela sua passada infernal;

13) ao João Ralha e à Luísa Correia Ralha, aqueles que me iniciaram na alta roda do atletismo amador de fundo; compaheiros inseparáveis, amigos e sempre disponíveis para ajudar e ensinar; ao João que bate o seu PBT em Meias Maratonas e que andando sempre junto ao Hilário não nos deixou amolecer; também pelo seu "strategic intent", ao colocar a fasquia em 1h50m nos obrigou a um ritmo sempre bem vivo; à Luísa, minha companheira dos 9 primeiros quilómetros, pela constância de ritmo, pela companhia nesta prova e noutras (510 Santa Casa; Lagoa de Santo André) e pelo excelente tempo (com menos "bancos" de hospital e com mais alguma repouso, voltará a ser a melhor de todos nós);

14) e claro, ao António Cruz, vencedor absoluto entre o Team Maravilha! Ao José Pedro Costa, amigo e colega, que me serve de farol no ginásio e que agora está mesmo ali ao pé...Ao Miguel Tinto, ao Jorge e aos outros do Holmes, que só de os ver correr a um ritmo endiabrado manhã após manhã nos leva a querer ser como eles...

Sem comentários: