segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

34ª Média Maratón Sevilla - Los Palácios

Foi por tantos amigos me terem falado desta prova que eu me perguntei: Porque não?
A viagem de sábado até Los Palácios foi desagradável devido ao temporal com chuva forte ao longo de toda a viagem. Levantei o dorsal na Feira dos Desportos, que estava animada com brincadeiras para crianças, mas haviam mais expositores de futebol do que de corrida. Dormi em Los Palacios, o que foi útil em termos logísticos. Nesta localidade nos arredores a sul de Sevilha há vários hoteis e hostals, mas por precaução, reservei com bastante antecedência.
Às 7:00 da manhã, começaram a distribuir os bilhetes da viagem de autocarro. Estes autocarros levavam-nos das 08:30 às 09:30, de Los Palacios para a partida. Ainda fui ao hotel tomar um bom pequeno almoço e preparar-me, antes de tomar o autocarro.

A partida às 11:00, era num local perto de Sevilha, junto de oficinas sem referência especial. Dá a sensação de medirem até 21,097 km e terminarem ali mesmo. Antes da partida encontrei uma boa coleção de portugueses conhecidos e desconhecidos. O Joaquim Adelino e companheiros do Vale do Silêncio. O Arsénio Fernandes e Ana Margarida do Alvitejo. O Jose Conceição de Loulé. Equipas do Algarve, de Elvas, ... E muitos espanhois das várias Espanhas, notava-se pelas t-shirts.

Depois da partida, a prova desenrolou-se por estradas dos Ayuntamientos de Dos Hermanas e de Los Palacios y Villafranca, ladeadas pelos campos, e por vezes algumas oficinas e casas. Com bons abastecimentos de água, bananas e laranjas em grande quantidade. Os 2 kms finais no interior de Los Palacios tinham muito publico a apoiar os corredores. Foi a parte do percurso que mais gostei. A Meta encontra-se junto ao Ayuntamiento da localidade, junto à estátua do maratonista que está na foto.
A prova correu-me razoavelmente bem, deu pra fazer abaixo de 1:40. Senti-me fisicamente melhor ao longo da prova, do que antes da partida.

Este regresso a Sevilha deu para perceber que a Maratona de Sevilha, aqui é a minha preferida. O regresso a Lisboa foi mais agradável sem chuva, mas já com algum cansaço.

Até Fevereiro, Sevilha!
RunAbraços.

4 comentários:

Nuno Sentieiro Marques disse...

Grande Zé Carlos,
Mais uma viagem, mais uma prova...és um grande e imparável atleta.

Obrigado pelo relato e obrigado pela partilha.

venham agora as SSs e depois em 2013, recomeça a "festa".

Ruanabraços

46 disse...

Meu car José Carlos Melo,

é impressionante a tua capacidade para correr. Estás sempre presente.

És de facto o nosso embaixador.

Parabéns por mais uma excelente marca.

Abraço,

AC

João Ralha disse...

Zé Carlos,

Obrigado pelo teu relato de mais uma meia com um grande tempo, para a coleção.Em Espanha, há 25 maratonas: ainda tens muitas para fazer.

Sentimos a tua falta lá por Sintra, mas o Eduardo Correia substitui-te com uma excelente reportagem fotográfica.

Runabraço

Paulo Marcos disse...

Bom relato, e de facto Sevilha é uma paixão!