domingo, 9 de outubro de 2011

Meia Maratona Ribeirinha (Moita)


Neste fim de semana, eu e o Jorge Esteves decidimos participar na 14ª edição da Meia Maratona Ribeirinha que decorreu na Moita.

A Moita é uma simpática vila na margem esquerda do Tejo, a escassos 30 km de Lisboa, onde eu nunca tinha estado. E vale a pena ser visitada pois possui bons acessos, uma aprazivel zona ribeirinha, um interessante ordenamento urbanistico, e seguramente outras características (nomeadamente gastronómicas) que não tive oportunidade de apreciar.

O que apreciei, e de que maneira, foi a prova. Esta, em termos organizativos é das melhores em que já participei. Amplo estacionamento, profusão de placas informativas (levantamento de dorsais, zonas para “aquecimento”, apoio a atletas, etc.), partida à hora marcada (dada pela nossa querida Rosa Mota), totalidade do percurso muito bem protegido (sem trânsito e com GNR e/ou colaboradores identificados em todos os cruzamentos), significativo apoio popular, etc.

O percurso é essencialmente plano, com um ganho de elevação de somente 88 m (Garmin Connect), o qual em condições atmosféricas favoráveis é excelente para tentar superar PBT’s. Este ano terminaram a prova 653 participantes, muito acima dos 522 do ano passado, o que parece indicar a boa aceitação da prova. No final um simpático saco de ofertas (medalha, diploma, t-shirt e água), e também a convicção de que voltarei no próximo ano.

Depois de terminada a prova fizemos mais uma corridinha “para descontrair” ( o Jorge tem destas coisas), e fomos (re)hidratar à sombra, numa esplanada no largo da Câmara, junto ao pórtico de chegada da prova. Aí estivemos longo tempo em agradável conversa com o companheiro Joaquim Adelino (blog: “Pára que Não Pára”), com o qual partilhamos parte do percurso dos Trilhos do Alqueva, no fim de semana passado.

Como da Moita só vi voar os deliciosos pasteis de nata e as científicas bifanas, aqui deixo o meu brinde, com votos para que na próxima também eu possa ser brindado com essas iguarias.


RunAbraços

13 comentários:

João Ralha disse...

Excelente relato Teodoro,

Tiveram a compensação da "cervejita" que é das melhores coisas que se pode beber depois de uma prova, particularmente quando o calor aperta.

O António Cruz também participou nessa prova.

Parabéns a todos e obrigado pelo brinde. Foto muito criativa, tal como a da "pega" do Jorge, na semana passada

Runabraços

Nuno Sentieiro Marques disse...

Mais uma prova este fim de semana e mais "laranjinhas na rua".

Parabéns aos 3 e pelo agradável relato, talvez para o ano me aventure pela Moita...levo é as bifanas e os pasteis de nata no carro :-) .

Runabraços

Ndda disse...

Grande Participação R4F em qualidade e na escrita.
Parabéns parece ser daquelas provas a não perder.
RunsAbraços,
NDA

Ndda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jorge Duarte Pinheiro disse...

À vossa, Teodoro e Jorge Esteves! E também à atlética saúde do António Cruz, que, neste santo domingo, por mero acaso, não se cruzou convosco. Run 4 Fun a rodos, por todo o lado.
Runabraços

Teodoro Trindade disse...

As minhas desculpas ao António Cruz.

Eu sabia que ele estava inscrito, sabia que ele levantou o dorsal, mas não sabia que ele tinha alinhado na prova porque não o consegui ver (nem antes, nem durante, nem depois).

Também não admira, o António é um autêntico foguete.

Parabéns pela excelente prova e mais uma vez as minhas desculpas pela omissão.

RunAbraços

Carlos Melo disse...

Parabéns ao triunvirato do Run 4 Fun na Meia da Moita. De grande nível.

Infelizmente ainda não foi desta que fiz a Meia da Moita. Estive uma vez há alguns anos na Mini-Caminhada, numa altura em que ainda não sabia correr. E fiquei com uma opinião muitissimo positiva dessa prova.

Como há sempre muitas corridas a sobreporem-se a esta, ainda não foi desta. Fica pra próxima oportunidade.

E seguido de um isotónico desses, nem se fala...
RunAbraços.

Alfredo Falcão disse...

Excelente relato Teodoro, para o ano estou lá!

Francisco Sanches Osório disse...

...Teodoro, obrigado pela partilhar! Acho que vou colocar na agenda para o próximo ano. Vale a pena!
Runabraços e até Domingo para mais uma Corrida ;9

Jorge Esteves disse...

Esta Meia é daquelas que vale a pena a deslocação. Tem uma organização muito boa e o percurso é agradável.
Do António nem sinal pois deve ter acabado com uns km de avanço!
Mais um excelente relato Teodoro.
Runabraços

46 disse...

Teodoro e Jorge,

obrigado pelo relato.

Estive de facto na prova e 20 minutos antes da partida fui à vossa procura, mas como não vos encontrei fui me colocar na partida para não sair muito atrás.

Como tinha um compromisso para almoço, não pude ficar no final.

De resto, concordo contigo: das melhores organizações que conheço, com partida na hora certa, sem confusões apesar do elevado numero de atletas, ruas largas com piso razoável, muitas pessoas da organização ao longo de todo o percurso, 3 abastecimentos (6Km, 10Km e 15Km).

O percurso não é especialmente bonito, mas também não é dos piores. A altimetria é baixa porque as subidas são pouco acentuadas e o software não as contabiliza, mas existem partes em que se vai muito tempo a subir (pouco, mas a subir), e no final já pesa uma pouco nas pernas.

Abraço,

AC

Franco Wudich disse...

Parabéns amigos! Quem sabe para o ano não vos acompanho na Maratona? Não sei, tenho que pensar, a preparação é outra, mas com certeza até lá vamos ter mais maratonistas Run4Fun para compartilhar as experiências. Abração.

Joao Fialho disse...

Com uma cerveja no fim?

Assim Teodoro é mais fácil.
E é mesmo Run4Fun! ;)

Muito obrigado pela partilha desta vossa experiência em mais uma meia-maratona!
Estamos em todas!